VISTA AÉREA DO CRISTO REDENTOR - CLIQUE NA IMAGEM !

BOTAFOGO - FUNDADO POR DECRETO DE DOM JOÃO VI EM 13 DE MAIO DE 1809

BOTAFOGO -  FUNDADO POR DECRETO DE DOM JOÃO VI EM 13 DE MAIO DE 1809

domingo, 19 de junho de 2011

BOMBEIRO MILITAR TEM DIREITO AO PORTE DE ARMA . . . ENTÃO MUDA O NOME PARA BOMBEIRO HIDRÁULICO !

Polêmica

 


Um terço dos bombeiros do estado tem armas

Publicada em 18/06/2011 às 20h15m

Antônio Werneck werneck@oglobo.com.br

Carla Rocha rocha@oglobo.com.br


RIO - Embora revólveres e pistolas não apaguem incêndios, os bombeiros do Rio estão cada vez mais armados.

Tropa auxiliar do Exército de acordo com a Constituição federal, eles têm direito ao porte de arma, que é proibido em todo o território nacional, exceto para as Forças Armadas e atividades de segurança pública.

No Rio, hoje, 5.068 homens do Corpo de Bombeiros que deveriam estar voltados para o combate ao fogo cadastraram armas de uso pessoal na corporação.

Um pequeno exército, que representa um terço do total de 16.550 praças e oficiais do estado.



Opinião: O que você acha de os bombeiros serem militares e poderem andar armados?


Pelas normas internas da corporação, um bombeiro no Rio pode ter até três armas - apesar de serem proibidos de usá-las em serviço.

Uma de porte, que pode ser um revólver 38 ou uma pistola 380, e duas de caça, sendo uma de alma lisa (espingarda, por exemplo) e outra de alma raiada (carabina).

Um policial militar fica limitado a duas armas pessoais de porte (revólveres 22, 32, 38 ou pistolas, que podem ser 0.40 ou 380).



Bombeiros aposentados também cadastram armas



E a fila para a autorização de pedidos de porte de arma não para de crescer.

Há ainda 42 bombeiros da ativa e nove inativos aguardando sinal verde do comando.

Sim, porque a cultura militar chega aos aposentados: 622 bombeiros vestiram o pijama, mas mantêm armas cadastradas.



Para obter a autorização para andar armado, o bombeiro deve ter bom comportamento e dez anos de serviço.

O Corpo de Bombeiros garante que há um controle rigoroso.

Se o militar for acusado num processo criminal, perde o porte, e a arma fica acautelada em sua unidade até o término da ação.

Ainda segundo o comando do Corpo de Bombeiros, as normas da corporação são as mais restritivas no Estado do Rio.



Em 2008, o secretário de Segurança, José Beltrame, chegou a propor um projeto para restringir o uso de armas por bombeiros, mas a proposta não avançou.

Na ocasião, acreditava-se que até 25% da tropa poderiam estar envolvidos em milícias. De acordo com o Corpo de Bombeiros, apenas 16 militares foram ou estão sendo investigados.

Desses, oito foram submetidos a processo administrativo disciplinar e excluídos da corporação. Dois morreram e três respondem a processos administrativos.



Repercussão: Especialistas defendem desmilitarização


6 comentários:

  1. é um grande erro o bombeiro portar uma arma pq ele ñ é militar de combate a crime um bombeiro anda fardado tranquilo por qualquer lugar sem ser em momento algum colocado em risco sua vida ,jé um policial sim a qualquer momento pode ser reconhecido e precisará esta armado para se defender

    ResponderExcluir
  2. naum eh bm assim q funciona... um bombeiro pod perfeitamnt sr confundido com um policial ostensivo..

    ResponderExcluir
  3. Muitos bombeiros já perderam a vida por, simplesmente serem identificados não como policiais, mas como bombeiros mesmo.

    ResponderExcluir
  4. na minha opinião.. eu axo que sim um Bombeiro deve ter porte de arma, pois ele esta a serviço da comunidade, até então ele n so apaga fogo, ele lida com a criminalistica dos acontecidos entende.. E outra o ignorante la em cima, cita que so os "PM" correm risco de vida.. vc só pode ser muito idiota por pensar assim, pois qualquer um corre risco de ser assaltado, baleado, MORTO a qualquer momento cara, então pense no que vc vai postar aii.. e a lei do armamento deve sim ser imposta a todos os cidadãos. Porque quem iria assaltar alguem, sabendo que do mesmo jeito que ele pode atirar ele tbm pode ser morto.. pensa nisso.. Boa tarde. att: Luiz Henrique Jacomel)

    ResponderExcluir
  5. Ser "Militar" não quer dizer ser policial, pois Militarismo é uma Doutrina. No Brasil os Bombeiros "militares" são forças auxiliares e reserva do exercito assim como a Policia Militar, e Ambos Fazem parte de uma Classe, dos Militares dos Estados. Assim como Policiais Militares, Civis, Federais, etc ..., tem direito ao porte de arma, pois nossa legislação garante porte aos integrantes das instituições dispostas no art. 144 da Constituição Federal. Esclarecendo, bandido não gosta de bombeiro eles apenas toleram, e peço que antes que aguem diga não, procure se informar, pois talvez você nunca esteve nas ruas pra ouvir um bandido vendo seu amigo baleado dizer assim: "Ei bombeiro salvar meu amigo senão eu vou te matar".

    ResponderExcluir
  6. "Bombeiro militar também é autoridade, e autoridade que trabalha nas ruas tem que andar armado principalmente estando de folga".

    ResponderExcluir